Ouça a Rádio Estação Cultura 96,3 FM

  ambiente virtual

ESTAÇÃO CULT

FUNDAÇÃO

ACESSO A INFOR

DOMINIO PUB

CAPES

sisreq

ouvidoria

 

Fotos do Campus Centro de Excelência do Café
Centro de Excelência do Café

 AGORA É FEDERAL!

Localizado à altura do km 10 da Rodovia que liga Machado à Paraguaçu (MG 453), o Centro de Excelência do Café (CEC), desde fevereiro de 2012, é de responsabilidade do Instituto Federal do Sul de Minas – Campus Machado. O processo de federalização do Centro foi muito comemorado por toda a comunidade acadêmica do IFSULDEMINAS. “Agora é possível avançar na qualificação dos produtores, aumentar a produtividade e a qualidade dos produtos, melhorar a renda e a qualidade de vida deles e dos seus familiares”, comemorou o Diretor-Geral do Campus Machado, professor Walner José Mendes.

No dia 06 de fevereiro de 2012, durante votação na Câmara de Vereadores de Machado, o Projeto de Lei que transferia a administração do Centro de Excelência para o Instituto Federal foi aprovado e, no dia 10 do mesmo mês, tornou-se lei com a sanção do, na época, prefeito de Machado, Roberto Camilo Órfão.image 3

Após a federalização, um fato que consolidou a nova fase do Centro de Excelência do Café foi a assinatura do termo de cooperação técnica entre o Campus Machado; a Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SEAPA); a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater); a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig); o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e a Prefeitura de Machado. O documento teve como objetivo compartilhar as ações futuramente desenvolvidas no Centro de Excelência do Café. A cooperação foi firmada durante evento realizado no dia 16 de maio de 2012, no próprio Centro, com a presença de lideranças e autoridades de Machado e da região. Dentre elas, o Diretor-geral do Campus; o Reitor do IFSULDEMINAS, professor Sérgio Pedini; o Secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas, Elmiro Alves do Nascimento; o então prefeito de Machado, Roberto Camilo Órfão e o deputado estadual Carlos Mosconi. A Emater-MG foi representada pelo gerente regional, José Rogério Lara, e a Câmara dos Vereadores de Machado pelo vice-presidente, o vereador Evâneo Caixeta. Participaram também do cerimonial os pró-reitores do IFSULDEMINAS, Renato Ferreira de Oliveira e Marcelo Bregagnoli.

Na ocasião, o secretário de estado, Elmiro Nascimento, ressaltou a importância dessa cooperação técnica: “este é um momento muito especial para a Secretaria, para o Governo de Minas e para todo o Estado. São ações como essa com as quais nós vamos fazer a nossa revolução em nível de agricultura e pecuária. É Por isso que Minas se sobressai entre todos os estados da Federação como o mais produtivo e o que respeita o meio ambiente e que, no dia a dia, produz alimentos de altíssima qualidade”. O Reitor do IFSULDEMINAS, professor Sérgio Pedini, também se mostrou muito satisfeito com a parceria, afirmando acreditar que “o apoio e a integração ao desenvolvimento local e regional dependem da articulação com o público alvo, no caso, os cafeicultores e sua cadeia de produção e a realização de cooperações como essa: Federação, Estado e Município envolvidos em prol do aprimoramento tecnológico dos cafeicultores, em especial os cafeicultores familiares e suas organizações”. Para Pedini, o Centro de Excelência do Café “vai ser cada vez mais ativo e plural nesse sentido”.

Impactos Positivos

DSCF3658

A estrutura que sedia o Centro de Excelência do Café foi construída em terreno doado pela Prefeitura Municipal de Machado. 

O Governo do Estado também apoiou o projeto que viabilizou as edificações em uma área de 2.100 metros quadrados. Antes da federalização, o Centro era gerenciado pela Associação das Entidades do Café do Sul de Minas, a Ascafé. Com a aprovação e sanção da lei de federalização, o CEC passou a fazer parte da estrutura de ensino do IFSULDEMINAS – Câmpus Machado, fato que já começa a permitir a ampliação do ensino técnico e superior no município..

Para o Diretor-geral, Walner José Mendes, com a aprovação do projeto, o IFSULDEMINAS - Campus Machado torna-se o único a ter, à disposição, um Centro de Excelência de Café.“Para a região, isso é muito importante, a comunidade ganha e a região também”,destacou.

 

 

 

 

sele instituto federal

selo rede de ensino